Search

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

A resposta da Globo ao Netflix



Notícia publicada hoje pela Folha de São Paulo:

"A programação da Globo do jeito que você quiser." Com direito a bordão publicitário, a maior TV brasileira estreia no chamado conteúdo "over-the-top" --que passa por cima das operadoras e vai direto ao espectador de internet e aparelhos móveis, com programas que acabam de ser transmitidos.

Por enquanto, é somente para os mineiros. E só via computadores, smartphones ou tablets, nada de aplicativos para plataformas de games, como PlayStation 3 ou Wii, que servem de ponte mais comum para assistir aos programas no televisor.

É um começo tímido, mas temos que esperar pra ver. Acredito que, para o usuário comum, quanto mais concorrência melhor.

26 comentários :

  1. Não vejo concorrência já que os conteúdos de uma são bem diferentes da outra. Mas fico feliz em saber que logo logo teremos mais conteúdo on demand por aqui!!

    ResponderExcluir
  2. Programação da Globo de graça é caro!

    ResponderExcluir
  3. Assino a Globo TV há mais de um ano e sempre vi pelo iOS e Android, não entendi pq estão tratando como novidade.. só por causa do app para iPhone?? nem ficou bom no iPad.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas era esse globo TV+? (não o globo tv)

      Pelas notícias foi lançado hoje.

      Excluir
    2. Exato,André. A Globo TV+ é uma versão "atualizada" desta que o Renato se confundiu. Na verdade eles mudaram bastante coisa e pretendem trazer além da programação em /quase/ real time (passou na tv, entrou no demand), eles também trarão aquela programação marota antiga.

      Jesus, vamos ter a programação do VIVA também?

      Excluir
    3. Acho que por 13 reais até valeria a pena ter os dois. Se colocarem coisa antigona no catálogo vale a pena.

      Ia me acabar de ver tv pirata, hehehe.

      Excluir
    4. Aqui para mim aparece os dois, mas tem o mesmo conteúdo. Enfim, pra mim não é novidade.

      Outra dúvida, por que disseram somente mineiros? Como separar isso?

      P.S. Embora more em SP sou mineiro xD

      Excluir
  4. Grande coisa. A programação da Globo, raras exceções, é puro lixo. Prefiro meu netflix. rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A questão é se a globo entrar na disputa por conteúdo com o netflix. Vai ser de sentar e pegar a pipoca pra ver quem ganha, hehehe

      Excluir
    2. Eu não acho que compete. Um completa o outro. Aqui tenho Netflix, Telecine Play, Globo TV e Muu, só não tenho HBO Go pq não sou Sky.

      Todos tem conteúdos diferentes, não acho que são concorrentes.

      Excluir
  5. 13 dilmas pra ver novela??? Neeeeeeeemmmmmmmmmm...

    ResponderExcluir
  6. Nunca daria nenhum centavo a qualquer porcaria vinda da rede globo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O pior é que indiretamente a gente já dá. Pagamos impostos que viram incentivos a filmes da Globo que, definitivamente, não precisariam de patrocínio estatal pra serem produzidos.

      (Até faz sentido um patrocínio pra desenvolver o cinema nacional, mas pra filme de grande produtora... "E se eu fosse você"?? Não tem lógica nenhuma.)

      Excluir
  7. Todos nós acreditamos que o "on demand" será o futuro do entretenimento. Acho que o mercado também precisa adotar essa ideia, para que possamos ter evolução nas redes de celular, recursos em aplicativos e a concorrência de títulos. Se a Globo tiver mercado para seu produtos, ótimo! Eu não assinaria.
    Aliás, acho que para o Brasil o ideal era ter um serviço unificado que abrangesse os programas das principais emissoras como um todo. Já pensaram se tivermos opções de uma assinatura da Globo, uma da Band, uma do SBT, uma da Record... seria horrível. Para o consumidor de conteúdo da TV aberta o ideal era pagar uns 15 reais e ter acesso a tudo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho difícil que cada canal tenha um serviço on demand. O que eu acho que vai acontecer é que tenha o serviço da globo e o Netflix na concorrência, e talvez mais um ou dois grandes. Não tem espaço pra tanta gente assim, pelo menos por enquanto, até porque imagino que investir na estrutura pra manter deva ser caro, e só vale a pena se tiver bastante assinante. Com o tempo os pequenos devem desaparecer.

      Excluir
    2. Na verdade eu também acho que não teremos tantas opções assim, André. Mas seria mais útil à população um serviço unificado. Alguns nem possuem essa tecnologia. Aliás, ao que parece o que vai acontecer é simples: a Globo vai fazer o seu próprio, e as demais emissoras abertas vão fazer acordos com a Netflix, hehehehe... :)

      Excluir
  8. Eu queria a Manchete on Demand, assinaria hoje mesmo.

    ResponderExcluir
  9. Eu, que sou grande fã de novelas, NÃO pagaria pra ver o conteúdo da globo. Acho que os canais estão começando a sacanear qdo pensam: "vou colocar meu conteúdo on demand e cobrar por isso". Se cada canal fizer isso, isso nunca será rentável. Mas a Globo se nega mesmo a negociar com a Netflix, então só me resta torcer para que o empreendimento não dê certo. haahaahaa
    além de q, é capaz de a globo editar o conteúdo de sua tv on demand e nem postar as novelas completas.

    ResponderExcluir
  10. Hmmm não consigo ver isso como concorrência. O povo, graças a uma ajuda da internet, anda se conscientizando BEM sobre a sujeira que a rede Bobo apronta. Principalmente na política.
    Outra: a Globo só tem novelas, pois os filmes passam em qualquer canto, inclusive em outras emissoras (e é difícil ver quem, hoje em dia, não tenha tv a cabo mesmo que plano básico). Sobre essas novelas estúpidas, mal escritas e com conteúdo pífio e duvidoso, passa das 10 da manhã (programa da Fátima Bernardes) até as 22:30.
    Entre isso temos APENAS o jornal local de cada estado e o Jornal Nacional.
    Então concorrência? A Globo que entre de cabeça e coloque "BBB on demand".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo, a Globo pode entrar na briga pra comprar e disponibilizar conteúdo de outras produtoras. Nada obriga eles a colocarem só o que eles mesmos produzem no canal on demand.

      Excluir
    2. Sem contar que a Globo é grande: tem a divisão de filmes, a Som Livre, um imenso acervo que ganha pela nostalgia. Afinal, antes de vermos o que passa na TV a cabo, nós só víamos Globo.
      Pessoal ai pode ser novinho e dizer "Globo vilã do mundo", mas eu tive a Globo como babá e dormia vendo Saramandaia e A Gata Comeu.

      Excluir
  11. André acho que seria interessante vc postar isso no blog:

    http://www.youtube.com/watch?v=agZWu1-lD20&feature=player_embedded

    Controlar o Netflix do PS3 pelo aplicativo do netflix no android.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luiz, eu vi isso, mas acho meio específico demais pra vir pra cá. Vou pensar no caso.

      De qualquer forma obrigado :)

      Excluir
  12. Bem lógico que vc como dono do blog que vai avaliar o conteúdo que deve ou não aparecer no blog, mas acredito que o blog poderia ter uma vertente sobre o mundo da tecnologia ligado ao netflix, de repente fazer uma enquete para ver o que os leitores do blog acham da idéia, na minha opinião o blog é excelente e poderia melhorar ainda mais se tivesse tudo sobre o netflix.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luiz, que tal você criar um blog com o assunto e conteúdo do seu interesse em vez de reclamar?

      Um abraço,
      Alan

      Excluir
    2. Calma, não estressem, hehehe.

      Excluir