Search

terça-feira, 13 de novembro de 2012

A Netflix está acabando com o compartilhamento ilegal?


Em texto publicado em blog do Wall Street Journal, baseado em relatórios de uso da internet (os mesmos divulgados aqui no blog na semana passada), o autor discute a possibilidade da Netflix estar acabando com os serviços ilegais de compartilhamento de arquivos como torrents.

O site Wired também verificou o estudo e relacionou a porcentagem de uso da internet por compartilhamento de arquivos a regiões sem Netflix. A tradução é minha:

A Europa está mais fragmentada por causa de todas restrições diferentes nos países - na média, o Bittorrent responde por 14,9% de todo o tráfego, enquanto serviços de vídeo por demanda respondem por 38,5%. Essa média pode oscilar entre 33,5% a mais de 50% do tráfego dependendo do país, e a Sandvine [produtora do estudo] notou que o tráfego de compartilhamento ilegal parece ser maior em países em que as pessoas têm dificuldade em conseguir conteúdo digital. Isso também levando em consideração regiões em que a Netflix não decolou como fez nos Estados Unidos, porque países diferentes tem sistemas de licença diferentes* - sem mencionar serviços como o BBC iPlayer (no Reino Unido) que oferece competição significativa.

* - Aqui no Brasil os problemas em conseguir licenças e toda a novela com a Ancine são fatores significativos.

Fonte: TWSJ, Wired.

9 comentários :

  1. Acho que depois que assinei o netflix (desde o lançamento ano passado) não baixei mais nenhuma série nem filme da internet... e isso também refletiu em pessoas que convivo, que também pararam de baixar conteúdo pirata (relacionados a TV e Filme).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui em casa foi parecido. Meus filhos e até minha empregada mal assistem a TV convencional, todos preferem o Netflix. Mais recentemente minha esposa também aderiu, hehehe. Na casa do meu irmão os filhos dele também só ficam no Netflix.

      Pra ficar perfeito só falta ter mais lançamentos mesmo...

      Excluir
  2. Pode não acabar, mas ajuda a diminuir bastante.

    Como não saem lançamentos, ainda tem gente que vai baixar filmes piratas por causa disso. Principalmente nas cidades que não tem cinemas.

    ResponderExcluir
  3. Ao ler o título: "A Netflix está acabando com o compartilhamento ilegal?", juro que pensei que o pessoal compartilhava conta Netflix, do tipo um paga e 10 usam... heheheheheheheheeh

    ResponderExcluir
  4. Eu, particularmente, só baixo aquilo que não tem a na netflix, se tudo o que saísse de mídia de entretenimento tivesse no netflix pelo menos 1 ou 2 meses depois, não baixaria mais nada por aí.

    ResponderExcluir
  5. Acabando não, mas está diminuindo com certeza.
    Eu por exemplo, antigamente baixava tudo que queria assistir, hoje não, só baixo temporadas de seriados que não tem na Netflix e filmes lançamentos que saem em HD.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também acho isso. Mas por outro lado eu imagino que torrent só seja bom enquanto tem muita gente usando. Se menos gente usar, começa a ficar ruim. Sei lá, só suposição também.

      Excluir
  6. Outra coisa não citada na matéria, e que o netflix acaba com esse preconceito de ver filme antigo ou não-lançamento.

    Eu era assim, só procurava lançamentos, um dia qualquer fui ver um outro mais antigo, hoje eu me "alimento" mais de clássicos que lançamentos.
    Na verdade, nem locadoura eu estou indo mais.

    ResponderExcluir
  7. Também deixei de alugar filmes, e pela internet, só assisto os últimos capítulos de Breaking Bad = se na Netflix lançasse semanalmente os últimos episódios, nem isso faria.

    ResponderExcluir