Search

segunda-feira, 20 de maio de 2013

Criador de Breaking Bad se diz grato à Netflix


Em entrevista à Vulture, Vince Gilligan, criador de Breaking Bad, deixou uma impressão muito favorável do que pensa sobre a exibição de seu programa na Netflix:

Vulture: Eu reassisti todas as 54 horas de Breaking Bad na última semana para me preparar pra essa entrevista, e eu acabei gostando mais do que quando assistia a um episódio por semana. Como você acha que assistir a muitos episódios de uma vez muda a experiência pra quem vê o programa?

Gilligan: Eu não sei, porque nunca assisti a uma leva de episódios assim. Minha bunda começa a doer. Mas vou te contar, eu sou muito grato a essa possibilidade de assistir episódios em massa. Agradeço à AMC e à Sony que apostaram em nós no início e colocaram a gente no ar. Mas também sou igualmente grato a uma companhia totalmente diferente na qual eu não tenho nenhum interesse: Netflix. Eu não acho que você estaria aqui me entrevistando se não fosse a Netflix. Na sua terceira temporada, Breaking Bad teve esse boost de energia e de falação pública por causa da Netflix. Antes dessa coisa de assistir a muitos episódios por vez, alguém que se identificava como fã do programa provavelmente tinha visto só uns 25% dos episódios. Fãs de Arquivo X diriam: "eu adoro o seu programa, sou um grande fã". Eu então diria "Bom, você viu aquele episódio?" "Não, eu não vi esse. Qual você escreveu?" E todos os episódios que eles mencionam seriam aqueles que não escrevi. Mas agora as coisas estão bem diferentes.

Na Netflix brasileira, Breaking Bad está disponível até a quarta temporada. A quinta e última temporada será lançada na programação a cabo nos EUA em agosto.

Veja a entrevista completa em inglês aqui.

Leia mais:
Netflix gasta 2bi por ano em licenças e conteúdo original - com visões da Netflix sobre assistir a muitos episódios por vez
Netflix dos EUA já ultrapassa TV a cabo.

4 comentários :

  1. Eu também agradeço muito, graças à ela eu assisti Breaking Bad, Dexter, Mad Men, Prison Break, entre muitas outras séries que hoje em dia em acompanho.

    ResponderExcluir
  2. Agosto é a última temporada...
    The Office acabou agora, Café com Aroma de Mulher acabou, Braking Bad vai acabar. Que merda é essa? Vou ficar órfão de tudo que eu curto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha, só falta não lançarem mais uma temporada de lilyhammer!

      Excluir