Search

terça-feira, 21 de junho de 2016

Netflix dá sinal verde a "Alias Grace", minissérie canadense

Capa do livro que dará origem à série

A Netflix e a produtora canadense CBC se uniram para a produção de "Alias Grace", uma minissérie de seis horas de Sarah Poley (Away From Her) e Noreen Halpern. A série é baseada no livro de Margaret Atwood sobre a história real do assassina condenada Grace Marks.


"Alias Grace" conta a história de Grace Marks, uma imigrante irlandesa pobre que trabalha como criada doméstica no norte do Canadá. Grace e James McDermott, outro criado, foram condenados pelo assassinato do dono da casa e de sua empregada em 1843. James foi enforcado e Grace condenada à prisão perpétua.

Grace se tornou uma das mais enigmáticas e infames mulheres dos anos 1840 no Canadá por sua suposta participação nos assassinatos, e depois de 30 anos foi libertada, deixando a prisão. Sua condenação foi controversa e criou muitos debates sobre o grau de participação de Grace nos assassinatos.

Tanto a série da Netflix quanto o romance de Atwood introduzem um personagem ficcional, o médico Simon Jordan, que investiga o caso e começa a se apaixonar por Grace. Ele fica obsessivo com a mulher, tentando conciliar as maneiras graciosas que observa com o assassinato brutal pelo qual ela foi condenada.

"Alias Grace" ainda não tem previsão de estreia. A minissérie ficará disponível globalmente no catálogo da Netflix.

Fonte: Deadline

Nenhum comentário :

Postar um comentário