Search

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Mesmo sem seleção do Oscar, 'Aquarius' entrará no catálogo da Netflix


Nesta segunda-feira (12), o MinC (Ministério da Cultura) anunciou que o filme brasileiro que seria indicado para a corrida do Oscar seria "Pequeno Segredo", desbancando "Aquarius", do cineasta Kleber Mendonça Filho (de "O Som ao Redor"), que era o favorito. Porém nesta quarta-feira (14), durante a coletiva de divulgação do Prêmio Netflix 2016, foi anunciado que "Aquarius" entrará para o catálogo da Netflix ainda este ano.

Sônia Braga, atriz ícone do cinema e da televisão brasileira, tem 65 anos e está muito bem em "Aquarius". A história do filme mostra uma mulher que está decidida a não deixar seu apartamento, um edifício muito antigo no Recife, ao ser chantageada por uma construtora que quer demolir o lugar. Entre lembranças do passado, ela passa os dias olhando com afeto para seus discos de vinil.

O Prêmio Netflix apresenta um júri e dez filmes finalistas. Serão dois longas escolhidos para integrar o catálogo da plataforma, um pelo júri e outro por voto popular. A divulgação dos vencedores é feita no dia 4/10. Concorrem os filmes "Califórnia", de Marina Person, "A História da Eternidade", de Camilo Cavalcante, "O Último Cine Drive-In", de Iberê Carvalho, "Obra", de Gregório Graziosi, "Porque Temos Esperança", de Susanna Lira, "À Queima Roupa", de Theresa Jessouroun, "Ventos de Agosto", de Gabriel Mascaro, "My Name Is Now", de Elizabete Martins Campos, "Levante!", de Susanna Lira, Barney Lankester-Owen, e "Clarisse ou Alguma Coisa Sobre Nós Dois", de Petrus Cariry.

Ainda não foi divulgada a data de estreia de "Aquarius" na Netflix.

Um comentário :