Search

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Série mexicana "Juana Inês" estreia amanhã


A Netflix adquiriu os direitos da série "Juana Inês", produção do canal mexicano de televisão Once. A série conta a história da freira Juana de La Cruz, filósofa e escritora tida como uma referência do início da Literatura mexicana na língua espanhola.

A série é um trabalho ficcional falando da relação incerta de Juana com a hierarquia do clero e sua ativa preocupação com desenvolvimento intelectual, uma façanha para uma mulher vivendo sobre a custódia da igreja nos anos 1600. A história se passa antes de Juana ser famosa com seu livro "O sonho", uma reflexão filosófica poética sobre ela, junto a Deus, tentando contemplar o Universo.

Um trailer em espanhol está disponível:


38 comentários :

  1. Pessoal que está visitando o post, podem me contar onde foi indicado? Está com um boom de views não sei de onde ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Recebi num grupo de whsts App... Acrediito que volta a temática espirituslista

      Excluir
    2. Isso. É sobre uma das encarnações de Joana de Ângelis

      Excluir
  2. Recebi no grupo do wsthsapp o link sobre a estréia dessa série

    ResponderExcluir
  3. Grupo de whatsapp de estudos da Doutrina Espírita.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostaria de participar de grupos espíritas. 64 8422 4520. Abraços fraternais. Adelson

      Excluir
  4. Juana Ines é uma das reencarnações de Joanna de Ângelis, mentora espiritual de Divaldo Franco (médium e lider espirita baiano)

    Juana foi também Joana de Cusa, Clara de Assis e na última encarnação, Joana Angelica, na Bahia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Creio que vcs estão equivocados. A série trara de uma filosofa e escritora.... nada a ver com esoiritismo.

      Excluir
  5. Foi compartilhado pela Mansão do Caminho, fundada pelo médium Divaldo Franco. Joana de Angelis, sua mentora, em uma de suas encarnações foi Juana Inês.

    ResponderExcluir
  6. Não tenho Netflix. Uma pena, pois gostaria de assistir à minisérie.

    ResponderExcluir
  7. Ah! E recebi de um amigo pelo WathsApp. Se estréia amanhã, porque aí no anúncio diz 26/03/2017?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Cidinha. Também reparei. Mas fui verificar no Netflix e já está disponível!

      Excluir
  8. Recebi por um grupo de WhatsApp que reúne colegas do Estudo Sistematizado da Doutrina Espírita.

    ResponderExcluir
  9. Algum grupo espírita pelo watts?

    85- 986881288

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também gostaria de partircipar de um grupo espírita pelo WATTS...pode ser?
      Grace Abelha 31 991076090
      Pertenço ao GEF - Grupo Espírita Fraternidade, de Ipatinga/MG

      Excluir
  10. Sor Juana Inés de la Cruz foi uma grande escritora do barroco hispano-americano(Fênix Mexicano/décima musa!!!!!). AMO SOR JUANA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lu, vai sair um artigo sobre ela na revista que trabalho. muito bom artigo.

      Excluir
    2. Qual é a revista na qual trabalha?
      Qual foi a edição em que saiu sobre a Joana?

      Excluir
  11. Grupo do Facebook Cinema Espanhol e Hispano-americano.

    ResponderExcluir
  12. Horrível quem é cristão católico fiel vai odiar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Corrigindo: Quem é intolerante e mesquinho vai odiar

      Excluir
    2. Quem é hipócrita vai odiar, pq essa é a realidade da humanidade desde os primórdios, isso sempre aconteceu dentro e fora da igreja católica, não admitir, é hipocrisia!

      Excluir
    3. Quem é cristão espírita vai querer assistir. Os cristãos das demais religiões deveriam assistir também para tentar entender/conhecer a filosofia espírita antes de maldizer.

      Excluir
  13. Amando essa série, até pq sou fã de Joana De Angelis, ou a nossa "Joaninha" como diria o Divaldo Franco. Mas o que mais me surpreende, é pensar que em 1651 a humanidade acreditava que a mulher era um ser inferior, que a Terra era o centro do universo entre outras asnices descabidas. Bem, não deveria me espantar uma vez que julgavam que a Terra era quadrada. Isso me faz refletir que muito pouco evoluímos moralmente de lá para cá, mas intelectualmente, o quanto avançamos?? O que me perturba é saber ou melhor não saber. NADA SABEMOS sobre as verdades da vida e do universo. A física quântica está ai escancarada para dizer que tudo o que cremos até o momento não é o real, mas as pessoas não falam sobre isso, não se interessam, não dá notícia! Me pergunto daqui 500 anos como vamos olhar para esse 2017 e avaliar nossas descobertas e conhecimentos sobre a matéria e a energia. Vms nos sentir ridículos, como eu me sinto em pensar na humanidade da época de Juana Inés. Realmente, acabamos de descer das árvores, ainda engatinhamos na evolução e nos falta força de vontade para avançar!

    https://www.facebook.com/paula.oliveira.1088

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem isso! Também me sinto assim quando vejo a humanidade nos dias de hoje com toda a evolução tecnológica que temos, estamos nesta involução espiritual!

      Excluir
    2. Bem isso! Também me sinto assim quando vejo a humanidade nos dias de hoje com toda a evolução tecnológica que temos, estamos nesta involução espiritual!

      Excluir
  14. Acabei de encerrar a série neste exato momento e estou consternada com a história desta mulher fenomenal. Um misto de admiração e indignação. Encantada tbém , com a resitência feroz até o final para defender sua escrita e sua linha de raciocínio. Amei! Que personagem histórico relevante e inesquecível. Mulher de primeira de linhagem <3 Vale a pena assistir pessoal!

    ResponderExcluir
  15. A minissérie me instigou a conhecer mais sobre a sua História. Sou espirita e apesar de a minissérie não abordar nada sobre espiritismo, foi incrivel saber um pouco sobre mulheres que foram além de seu tempo, sem se acovardar... Sensacional!! Recomendadissimo!!

    ResponderExcluir
  16. http://cultura.estadao.com.br/noticias/geral,armadilhas-da-inteligencia-e-da-fe,70001670246

    ResponderExcluir